A deputada estadual Maria Mendonça disse que a situação do Hospital e Maternidade São José, de Itabaiana, pede soluções urgentes para evitar que a unidade feche as portas e desampare a população da região. A parlamentar afirmou que esteve na audiência no Ministério Público Estadual (MPE) que tratou da situação da maternidade, prestes a encerrar as atividades por falta de recursos. A deputada declarou que seis prefeitos (de 13 convidados) participaram da reunião.

“Os prefeitos se mostraram solidários com a causa. Pediram uma audiência com o governador, pois os repasses àquela instituição são ínfimos. Discutimos uma pauta para essa audiência e temos certeza que com o Ministério Público não teremos o fechamento da maternidade”, comentou a deputada, que não aceita o encerramento das atividades da unidade. “Toda a classe política vai abraçar essa causa e esse hospital não será fechado”, frisou.
Maria Mendonça disse que deixou a audiência otimista e espera que os gestores contribuam para uma solução para a crise. “O diretor clínico nos informou que a maternidade estava recebendo casos de várias unidades e se houver um fechamento teremos um colapso na saúde”. A deputada estadual Gorreti Reis lamentou o problema e lembrou que há uma crise na saúde em todo o país, agravada com as reduções no repasse para a área. A parlamentar disse que Estados e municípios enfrentam um estrangulamento. “Quando uma maternidade não funciona o sistema é afetado, há problemas de transporte nos municípios (deslocamento de gestantes) e também prejudica até mesmo o cuidado com mães de bebês com microcefalia”, alertou.
Páscoa
A deputada Maria Mendonça disse que a Páscoa é um momento de reflexão e que deve ser encarado como um estímulo à renovação. “Precisamos renovar o espírito, nossa alma, buscar sermos seres humanos melhores. Cada um deve dar o melhor de si”, comentou.

Texto: Dilson Ramos

Foto: César Oliveira