Dia Estadual de Combate à Intolerância Religiosa é celebrado em 21 de janeiro

Por Wênia Bandeira

Uma denúncia de intolerância religiosa foi registrada, entre os anos de 2015 e 2017, a cada 15 horas no Brasil. O número faz parte de dados da última pesquisa realizada pelo antigo Ministério dos Direitos Humanos e leva em consideração as ligações feitas para o Disque 100, número gratuito para denúncia de intolerância religiosa.

No país, os que seguem religiões de matriz africana, a exemplo de candomblé e umbanda, são os que mais sofrem. Cerca de 25% das denúncias tiveram como vítimas este público, que representava, naqueles anos, 1,6% dos brasileiros.

O presidente do Fórum de Religiões de Matrizes Africanas, Irivan de Assis, é pejigan, uma autoridade dentro destas religiões, e falou que este é um problema enfrentado no estado. Ele contou que casos foram registrados em Sergipe, com muita violência ocorrida.

“O Fórum acompanha todo o processo, a gente classifica como racismo religioso porque tem uma origem e uma cor e tem causado muito sofrimento. Tem queimado terreiro, apedrejado membro, apreendido instrumento sagrado”, disse.

Foram registrados casos principalmente em Aracaju, na Zona de Expansão, Porto Dantas e Lamarão, onde um terreiro foi queimado em 2019. O Fórum reúne Terreiros de Candomblé, Centros de Umbanda e Casas de Nagô.

Nesta sexta-feira, será realizada a Caminhada para Oxalá, saindo da Praça do Minigolfe com destino para a Praia Formosa. A concentração será às 15 horas, com o tema ‘Pela Liberdade Religiosa, Pela Paz e Pela Vida’ e presença do vice-presidente do Olodum, Marcelo Gentil. A Mãe Marizete, mais antiga integrante, será a homenageada.

Em Sergipe, a Lei Nº 7.054/2010 instituiu o Dia Estadual de Combate à Intolerância Religiosa, comemorado nesta sexta-feira, 21 de janeiro. A data tem como objetivo social combater o preconceito religioso, promovendo e incentivando o respeito e a tolerância às diferentes culturas religiosas.

A TV Alese, Canal 5.2, exibiu em 2021, o documentário ‘Religiões – Uma Temporada de Fé’. Foram abordadas as diversas religiões, a Fé e a Ciência, em uma realização do Núcleo de Documentários e Reportagens Especiais da emissora em parceria com o Ministério Público do Estado.

De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 86,8% dos brasileiros são cristãos, mas é importante lembrar que o Brasil é um Estado Laico, ou seja, todos têm o direito de escolher e praticar a sua religião.

Foto: Brasil de Fato

Outras notícias para você