O líder da oposição na Assembleia Legislativa de Sergipe o deputado estadual Capitão Samuel (PSL), usou a tribuna no pequeno expediente da sessão legislativa, na tarde dessa segunda-feira (14), para dar uma explicação aos demais deputados sobre as viagens que tem feito à Brasília.

Segundo Samuel, ele tem acompanhado a votação, já em última instância no senado federal, de duas importantes Propostas de Emendas Constitucionais (PEC) na área da Segurança Pública do Brasil.

Uma delas cria o Fundo Nacional da Segurança Pública, e a outra divide a competência, que hoje é somente do Estado, com os municípios e a União. “Entendo que seja uma discussão muito importante para a Segurança Pública e nessas duas semanas não vimos nenhum secretário de Segurança, nenhum chefe de Polícia Civil nem comandante da Polícia Militar acompanhando a discussão e pressionando para ser votado”, observou o presidente da Comissão da Segurança Pública na Alese.

Para o líder da oposição os Estados não têm valorizado a votação. “Estamos unindo forças com diversos presidentes das Comissões de Segurança Pública e deputados estaduais para acompanhar a votação, e mesmo assim, a semana passada, infelizmente, o senador do PT, Delcídio do Amaral, resolveu tirar de pauta, mas acreditamos que volte nessa semana a pauta de votação”, concluiu observando que a aprovação será necessário para a melhoria da segurança pública no Brasil.

Agência Alese de Notícias
Foto: César de Oliveira