Voltar

Procuradoria da Mulher recebe vereadores de Estância

Por Wênia Bandeira

A Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa de Sergipe recebeu, nesta quarta-feira, 11, a visita de vereadores da cidade de Estância. A Câmara Municipal irá criar um órgão com a mesma finalidade e buscou, na Alese, o exemplo necessário.

A advogada da Procuradoria, Patrícia Erlishmam, recebeu os representantes e explicou como esta criação pode ser realizada. A Procuradoria da Mulher do município de Estância já foi aprovada em votação na Câmara.

“É de suma importância a parceria não só com Estância porque a nossa pretensão é fazer visitas técnicas futuramente nas câmaras dos municípios. É muito gratificante eles virem aqui pegar como orientação as nossas ações, porque é sinal que realmente estamos fazendo um bom trabalho”, falou a advogada.

As mulheres precisam de ajuda para combater a violência doméstica, além de ter a sua inserção no mercado de trabalho possibilitada. Patrícia Erlishmam salientou que o serviço de uma procuradoria tem como foco a mulher, mas é também direcionada aos homens.

“É um trabalho de suma importância não só para as mulheres, mas para os homens também para terem conscientização. É muito importante essa parceria e que venham mais municípios tomar esta iniciativa”, afirmou.

A vereadora Alinete Soares, autora do projeto que cria a procuradoria municipal, destacou o trabalho realizado na Alese. “Eu quando soube que tinha a Procuradoria da Mulher aqui na Assembleia, fiquei muito empolgada e achei uma ideia maravilhosa. Eu indiquei na Mesa e foi aceita, é uma importância muito grande para nós mulheres”.

Ela falou que muitas ainda precisam deste apoio e que é necessário que seja disponibilizado por todos os meios. A vereadora explicou que as mulheres precisam auxiliar umas as outras para enfrentar as dificuldades.

“Tem muitas mulheres precisando demais que outras possam comprar suas brigas e eu estou do lado delas e quero criar a nossa procuradoria para que a gente receba todas quando tiver necessidade”, declarou.

O presidente da câmara de vereadores, Misael Dantas, lembrou que o legislativo municipal está buscando impulsionar os assuntos referentes à mulher. A criação do órgão é um dos meios encontrados para que isso aconteça.

“Nós estamos trabalhando para fortalecer algumas vertentes na cidade, entre elas, a mulher, este seguimento feminino. Com o objetivo de alicerçar mais, de fortalecer e de rechear mais o nosso projeto, além de receber ideias e orientações, é que viemos aqui”, disse.

Ele ainda acrescentou que irá procurar exemplos em outros lugares para unir ideias. “Nós temos feito parcerias. Vamos buscar outras parcerias, talvez com o Tribunal de Justiça e com a Polícia Militar, porque quanto mais fortalecer melhor para o parlamento e principalmente para o nosso objetivo de proteção a mulher, no sentido de dar conhecimento, com cursos profissionalizantes para que elas possam abranger de forma direta a classe feminina, proporcionar uma formação e, como resultado disso, espaço no mercado de trabalho”.

Fotos: Joel Luiz

Outras notícias para você

Ir ao Topo