O jornalista Mozart Santos, recebeu na tarde desta terça- feira (27), no gabinete da presidência da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), o Título de Cidadania Sergipana. A propositura, de acordo com o Projeto de Resolução Nº09/82, aprovado pela Casa Parlamentar no dia 25 de novembro do ano de 1982, é de autoria do ex deputado estadual Reinaldo Moura.

Na oportunidade, o presidente Luciano Bispo fez a entrega da honraria, congratulou o homenageado pelos relevantes serviços prestados em Sergipe, à época como superintendente da TV Sergipe, filiada a Rede Globo, além de ter sido vice- presidente da Associação Sergipana de Imprensa, fundador- presidente da Associação Sergipana de Rádio e Televisão, membro do Rotary Club. No setor público, Mozart Santos foi diretor da Comissão de Turismo Integrado do Nordeste (CTI/NE), diretor – presidente da Empresa Sergipana de Turismo S.A (EMSETUR). “Mozart Santos inovou a comunicação em Sergipe”, frisou Bispo

Para Mozart Santos o sentimento é de felicidade, resultado de trabalho em equipe e de um sonho de 10 empresários que acreditaram na comunicação, nascendo então, a primeira emissora de televisão no estado – TV Sergipe, que segundo ele, tem caráter único, com subscrição única, a primeira no Brasil com essa característica, salientou.

Ainda em seu discurso, o homenageado relembrou sua trajetória em Sergipe e disse “ninguém faz televisão sozinho. Não existe nenhum departamento estanque da televisão. Todos se relacionam,  desde o porteiro ao dono da tv, formando uma comunidade democrática. Portanto, vale a pena fazer televisão”.

Teotônio Neto em sua fala, explicou que Mozart Santos enquanto esteve superintendente da TV Sergipe prestigiou vários jornalistas, entre eles, Euler Ferreira, que atualmente faz parte do quadro de jornalistas da Casa Parlamentar.

“A atuação de Mozart, no aspecto geral foi excelente. Contudo, no jornalismo ele atribuiu uma missão extraordinária no que tange a exercer  plenamente a profissão sem vinculação política, ou seja, a nada que não fosse o fato e a verdade”, salientou Teotônio acrescentando “dentro do quadro de profissionais que lá estiveram, um que se destacou bastante foi o Euler, que ainda hoje brilha. Um profissional de nível nacional”.

Participaram da solenidade, o diretor de comunicação do Tribunal de Contas, Teotônio Neto, o jornalista Pascoal Maynard, esposa do homenageado, Anaceli Costa Melo.

Homenageado

Mozart Santos é natural de Lage na Bahia, nascido no dia 05 de setembro de 1937, é administrador, jornalista e auditor fiscal aposentado pelo Estado da Bahia. Filho de Marieta Santos e Rodolfo Santos. Mozart é pai de dois filhos, David Batista Santos e Laura Botto Nascimento Santos e avô de Maria Botto Santos.

20180327_161735

Por Agência de Notícias Alese – #RedeAlese

Fotos: Luciana Botto