Por Kelly Monique Oliveira

Para lembrar das dificuldades que as trabalhadoras domésticas têm passado por conta da pandemia do Covid-19, a deputada estadual Goretti Reis (PSD) falou, de forma remota, na sessão plenária da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) desta terça-feira, 04, para informar que a Procuradoria Especial da Mulher (PROMU/Alese) recebeu, na semana passada, representantes da Casa das Domésticas, do Sindicado das Domésticas e da Creche Dom Távora para juntos alinharem ações de apoio para a classe trabalhadora, que tem sofrido com o desemprego.

Na oportunidade, Goretti Reis destacou que as representes colocaram a situação da instituição que vive de doação e contribuição sindical. “Devido a pandemia a instituição não está recebendo doações e nem as contribuições. Com a finalidade de ajudar, fiz uma Indicação, solicitando ao prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, que destine algumas cestas básicas, arrecadadas nos posto de vacinação, para a Casa da Doméstica. Elas precisam de apoio para manter a creche, pois sabemos que pelo menos 90% das empregadas domésticas ou diarista são mulheres, e elas, além do desemprego, sofrem com a ausência de um local de apoio para deixar os filhos”, ressaltou.

Foto: Jadilson Simões