Georgeo alerta para fechamento dos distritos judiciais

Deputado criticou proposta do Tribunal de Justiça de Sergipe que pretende fechar mais seis distritos judiciais no interior. “É um verdadeiro retrocesso”, afirmou

 

Durante a sessão plenária desta segunda-feira, 29, o deputado estadual Georgeo Passos, PTC, usou o pequeno expediente para alertar sobre a possibilidade de fechamento de seis distritos judiciais em Sergipe. A proposta está sendo analisada pelo pleno do Tribunal de Justiça de Sergipe.

No ano passado, o TJ decidiu fechar nove distritos judiciais no interior – Pedra Mole, São Miguel do Aleixo, Cumbe, Telha, Itaby, General Maynard, Malhada dos Bois, Pinhão e Amparo do São Francisco. Na semana passada, o Tribunal começou a deliberar sobre a possibilidade de fechamento dos fóruns em Canhoba, Siriri, Macambira, São Francisco, Nossa Senhora de Lourdes e Santa Rosa de Lima, o que totalizariam 15 cidades afetadas em menos de um ano.

“Isso é um verdadeiro retrocesso. Infelizmente, o Poder Judiciário sergipano continua a tratar os jurisdicionados sem a atenção devida. Mais seis cidades podem ficar sem seu fórum, sem a presença física do Judiciário. Em um Estado onde a segurança não vai bem. Daqui a pouco, só teremos fórum nas principais cidades, o que irá prejudicar a população”, afirmou o parlamentar.

Georgeo explicou que a justificativa do Tribunal para o fechamento é de cortar gastos com a manutenção desses distritos. Porém, essa economia não seria real. “Fechando, os funcionários efetivos não serão demitidos e toda a estrutura será transferida para outro local. Mas a população que depende da Justiça será prejudicada. A opção é sempre a mesma: tirar do mais fraco. Não vemos a mesma economia com o auxílio moradia para os magistrados, por exemplo”, criticou.

 

Fonte: Ascom Parlamentar Dep. Georgeo Passos (Daniel Soares)

Outras notícias para você