Sete colaboradores da Força Nacional de Sergipe receberam, na manhã dessa quinta-feira (10), da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), homenagem dos deputados estaduais pelos serviços prestados à comunidade sergipana . A propositura é de autoria do presidente da Alese deputado Luciano Bispo (PMDB).

Os policiais Cleidison da Silva Melo, Fernanda Felix Ferreira, Marcelo Eduardo Andrade Almeida, Marcio Roberto Blunk Santos, Norma Vieira Valéria, Paula Yara Spegiorim, Suely Maurício de Sousa; receberam das mãos dos parlamentares, do secretário da Segurança Pública de Sergipe, Mendonça Prado e do comandante da Guarda Municipal de Aracaju, a placa de honra.

Emocionada, a coordenadora da Força Nacional de Sergipe, a paulista Paula Yara Spegiorm, disse que o acolhimento do povo sergipano, representado pela Assembleia Legislativa, é um momento ímpar na carreira de todos. “Eu já passei por muitos estados, mas Sergipe tem sido especial, muito acolhedor. A gente deixa pra trás a nossa vida, que é a família, os filhos, para ajudar uma outra família que é a perícia com um único objetivo, dar apoio a sociedade”, reconheceu.

O secretário da Segurança Pública de Sergipe, Mendonça Prado, reconheceu a importância da homenagem e, agradeceu aos deputados estaduais, especialmente ao presidente da Alese Luciano Bispo, pelo gesto que demonstra a forma gentil do povo sergipano, representado pela Casa Legislativa.

“Esses profissionais da segurança pública chegaram ao Estado de Sergipe num momento crucial, momento em que tínhamos uma grave deficiência no setor de perícia. Iniciamos um processo de reestruturação no comando do Governador Jackson Barreto (PMDB), e durante o período que estávamos com a ausência desses serviços contamos com o trabalho exemplar desses servidores da Segurança Pública, oriundos dos mais diversos estados brasileiros”, ressaltou.

Em seu discurso o presidente da Assembleia, Luciano Bispo, exaltou a qualidade e a modernização do serviço da perícia e agradeceu ao trabalho de investigação que os policiais têm feito pelo Estado. “Quando falamos em Segurança Pública fica a imagem que é só a policia militar e polícia civil, mas ao contrário, segurança pública é a soma de todos. A perícia é ponto fundamental na elucidação dos crimes”, concluiu agradecendo.

A Força Nacional

A Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) foi criada em junho de 2004 pelo Ministério da Justiça, para atuar nos Estados em situações emergenciais, nos momentos de crise. A FNSP é comandada pela Secretaria Nacional de Segurança e reúne os melhores policiais dos Estados e da Polícia Federal.

Os integrantes da tropa, porém, não deixam de atuar nas instituições de origem. Após um treinamento de duas semanas, os policiais retornam para trabalhar em seus Estados e permanecem em prontidão para uma possível convocação. Depois de encerrada as operações especiais, são dispensados e voltam aos seus Estados.

Fonte SNS

Por Agência Alese de Notícias (Glice Rosa)

Fotos: Glice Rosa