Carira: Capital Sergipana do Milho ganha reconhecimento oficial da Alese

Por Shis Vitória

O milho, este importante ingrediente, que além de fazer parte a uma infinidade de receitas mundo afora, é essencial para diversas cadeias produtivas ligadas à alimentação humana. Do milho derivam vários outros alimentos, como óleos e diversos tipos de farinhas e cereais. O produto ainda é amplamente utilizado como base para alimentação de aves, suínos e bovinos. Ele também tem um papel importante na economia brasileira, já que o Brasil é o terceiro maior produtor de milho do mundo. Na safra de 2020/2021 o país ultrapassou a marca de 105,2 milhões de toneladas de grãos, segundo dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Com a proposta de reconhecer a importância do produto em Sergipe foi publicada no Diário Oficial do Estado a Lei nº 8.871, na edição Nº 28.705 de 09 de julho, que oficializou o título de Capital do Milho ao município de Carira. De acordo com a propositura, de autoria da deputada estadual Kitty Lima (Cidadania), o título foi concedido por ser o maior produtor de milho no estado.

Projeto de Lei

O Projeto de Lei Nº 151/2021, aprovado, por unanimidade, durante a Sessão Mista Extraordinária da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) aconteceu no mês de junho de 2021.

De acordo com o PL, Carira possui 148.289 hectares de produção, que gera pouco mais de 700 mil toneladas de grãos de milho. “Em virtude da maior produção de milho do Estado, o município de Carira contribui para o fomento da economia, em destaque na área da agricultura, elevando o Estado de Sergipe ao ranque de segundo maior estado de produção de milho, ficando atrás apenas da Bahia. Além disso, a produção de milho é uma das atividades de maior destaque e das principais culturas agrícolas de Sergipe”, justificou a deputada estadual Kitty Lima.

Foto: Shutterstock

Outras notícias para você