Com o objetivo de tentar sanar ou amenizar a crise na área da saúde, a presidente da Secretaria Nacional da Saúde da União dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), a deputada Goetti Reis (Dem), convidou os deputados que fazem parte da Comissão Especial da Saúde a participarem do Seminário da Secretaria da Saúde com o tema, Responsabilidade dos Entes Federais e Participação , que ocorrerá no dia 10 de março na capital cearense, Fortaleza.
O convite foi durante o discurso no grande expediente da sessão legislativa na manhã desta quarta-feira (2), que aconteceu na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese).
Goretti entende que a participação de todos pode forçar o Congresso Nacional a rever as políticas adotadas que não vêem surtido efeito.  “Dentro das questões de responsabilidades estão a União, os Estados e Municípios, e as pactuações que se faz nas políticas públicas não só no modelo assistencial como nos financiamentos que estão muito aquém das necessidades”, ressaltou afirmando que, as políticas públicas da área da saúde deve interessar a todos.
Para a parlamentar,  é preciso  unificar as ações para atender todas as necessidades dos estados que, na sua maioria, são as mesmas. “Liguei para  os presidentes das comissões de Saúde das assembleias legislativas de todo o país para convidá-los a participar dos debates e discussões, já que, efetivamente, se tratam das  políticas públicas na área de saúde e ver o que pode ser viabilizado com o apoio de todos os parlamentares”, contou
A deputada que preside a mesa do debate: Modelo Assistencial do Sistema Único de Saúde (SUS) – Dificuldades e Desafios, disse ainda que, espera sair de Fortaleza com as propostas dos parlamentares e que elas possam mudar o quadro da saúde pública. ” Os municípios não dão conta de toda a demanda que a população necessita é preciso o legislativo se somar na busca da melhoria da saúde para o Brasil”, concluiu.
Por Ascom parlamentar Goretti Reis (Cristina Rochadel)