A União de Parlamentares Sul Americanos e do Mercosul – UPM reuniu os blocos representativos do Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai, Chile e Venezuela durante realização da XX Conferência Nacional da União dos Legisladores e Legislativos Estaduais que começou na manhã dessa quarta-feira (1), no Campus Universitário da Tiradentes, em Aracaju para debater a pauta de assuntos internos e o tema da CNLE ‘Rediscutindo o Brasil’.

O presidente da UPM Brasileira deputado Francisco Souza (PSC-AM), destacou a importância de discutir o momento atual do país para haver mais interação. “Os deputados da UPM tem o papel de manter o elo que está mais próximo à população no momento político delicado para que a mensagem chegue ao Parlamento do Mercosul (Parlasul). Temos o dever de interagir com a voz mais sensível no cotidiano da população”, observou.

Já o presidente da UPM do Paraguai Alfonzo Romero Correa, que está participando pela segunda vez da Conferência da Unale, disse que a experiência que adquiriu no primeiro evento espera repetir em Aracaju. “Estamos seguros de que unidos podemos encontrar soluções eficazes para os problemas comuns que todos os parlamentos enfrentam”, observou.

Para Romero, o Brasil está muito mais avançado que o Paraguai o que torna a troca de experiências com os parlamentares brasileiros mais interessante. “A troca de experiência pode ajudar nas questões de desenvolvimento do Paraguai, que não tem se desenvolvido”, afirmou acrescentando, que espera um debate mais acirrado em torno da descentralização dos poderes.

Quem também participou do debate foi o diretor de articulação política da UPM e coordenador do bloco brasileiro Flávio Alves Monteiro que afirmou que, das reuniões entre os parlamentares da América Latina sempre saem boas e novas ideias para a integração do Mercosul. “A Unale é a oportunidade que temos de trocar as experiências e a integração em todos os segmentos”, concluiu.

Foto: Glice Rosa

Foto: Glice Rosa

União de Parlamentares Sul Americanos e do Mercosul

A União de Parlamentares Sul Americanos e do Mercosul – UPM teve sua criação oficializada no ano de 2000 e congrega representantes da sociedade e parlamentares regionais, deputados estaduais no caso do Brasil, da Argentina, Brasil, Chile, Paraguai, Uruguai e Venezuela. O Objetivo principal é discutir políticas de integração em todos os seguimentos dos Países membros, sempre voltadas à cidadania. A UPM se manifesta através dos Blocos Nacionais existentes em todos os países que compõem.

Por Glice Rosa – Agência Alese de Notícias