Por Aldaci de Souza

Os impactos com a mudança de sentido no tráfego da Rodovia Inácio Barbosa foram discutidos na manhã da segunda-feira, 18, entre o deputado Iran Barbosa, o presidente da Associação Desportiva, Cultural e Ambiental do Robalo, José Firmo e o secretário de Estado de Turismo, José Sales Neto.

A avenida, conhecida como José Sarney, passou desde o último domingo, 17, a ser mão única aos domingos e feriados, o que vem preocupando o parlamentar e os moradores dos povoados Robalo, na Zona de Expansão de Aracaju.

A reunião com Sales Neto deu prosseguimento às discussões sobre o assunto, que também já foram levadas ao presidente do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER/SE), Carlos Alberto Araújo.

O secretário de Turismo explicou que a proposta tem por finalidade, diminuir os congestionamentos no sentido para as praias. O deputado Iran Barbosa e o presidente da ADCAR mostraram a necessidade de ouvir moradores e comerciantes do local.

“A medida visa facilitar a vida de quem acessa aquela região aos finais de semana e feriados para o lazer, mas quem mora naquela área e enfrenta o dia a dia é que sabe o quanto mudanças desse tipo afetam sua vida. Esses moradores deveriam ter sido ouvidos”, entende Iran Barbosa.

“Uma das preocupações é porque nos dias e horários em que o trânsito na Rodovia José Sarney estiver em sentido único, o sentido contrário será deslocado para a Rodovia dos Náufragos, que atravessa a parte interna da comunidade”, ressalta enfatizando que todo o trânsito sentido Sul/Norte seja deslocado pra dentro do povoado fazendo com que o número de acidentes aumente, sem contar com os transtornos quanto ao transporte coletivo.

Outra questão levantada por José Firmo é a queda em torno de 70% para os comerciantes, agravando a crise social. “Dezenas de famílias vivem do comércio ao longo da Rodovia dos Náufragos”, complementa.

Foto: Divulgação Ascom Parlamentar