Talysson solicita a desinfecção de todas as repartições públicas

O deputado estadual Talysson de Valmir, PL, está encaminhando à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, uma indicação para que, em caráter de urgência, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, realize a desinfeção de todas as repartições públicas estaduais, com destaque para aquelas que realizam maior número de atendimento ao público.

O parlamentar alerta que as medidas de prevenção contra a Covid-19 precisam ir além do uso de máscara, higienização das mãos e o isolamento social. “Sabemos que nem todos podem ficar em casa e que outras doenças e necessidades continuam a existir. Cabe ao governo garantir proteção adequada para aqueles que estão trabalhando nas atividades essenciais e para a população que busque esses serviços”, diz Talysson.

Pela indicação, devem passar por lavagem geral e desinfecção delegacias de polícia, batalhões da PM, terminais rodoviários e secretarias de Estado, dentre outros. “Se faz necessária a higienização destes locais, como estratégia de combate à Covid-19”, observa.

Em seu argumento, Talysson diz que a Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou um documento sobre como prevenir contra o novo coronavírus no ambiente de trabalho. Segundo o órgão, a adoção das medidas preventivas é uma forma de reduzir a licença de trabalho ocasionada por doenças e também de diminuição da propagação da Covid-19. “Os órgãos públicos e empresas privadas precisam ter um plano para evitar que a doença se propague, caso um funcionário seja diagnosticado com a doença. Para se ter uma ideia, a OMS orienta que as estratégias devem ser adotadas mesmo nos países em que não há casos do novo coronavírus, já que servem para outras infecções também”.

O parlamentar destaca ainda que a OMS recomenda que se mantenha o ambiente de trabalho limpo e higienizado. É preciso limpar as superfícies das mesas e estações de trabalho com desinfetante regularmente porque a contaminação de superfícies é uma das principais formas de disseminação do novo coronavírus e outras infecções. “Desta maneira, observamos a importância da higienização das repartições públicas, na medida que reúnem servidores e cidadãos em ambientes muitas vezes pequenos, e que, se não bem higienizados, podem ocasionar graves prejuízos para a saúde coletiva. Basta imaginarmos, por exemplo, as delegacias de polícia, cujo serviço é essencial, e que a fluxo de pessoas em atendimento é constante.

Com as informações da assessoria do parlamentar

Outras notícias para você