Nesta quarta-feira, 21, no pequeno expediente da Alese,  a deputada Sílvia Fontes (PDT), fez o registro da visita dela, acompanhada de sua assessoria, do diretor-presidente da Deso, Carlos Melo, e técnicos da empresa, para tratar sobre problemas relacionados a qualidade da água em algumas localidades do município de Nossa Senhora do Socorro.

De acordo com Silvia, durante a visita foi possível constatar que a questão da água em algumas localidades de Socorro, ao contrário do que se levanta, não está relacionada a potabilidade da água. “Ela é potável, porém se classifica como dura. O que significa dizer que esta é uma água que ao contato com detergente, shampoo, não produz espuma, e também acaba causando inconvenientes manchas nas panelas”, explicou Sílvia.

Ela disse ainda que questionou sobre o problema da vazão nos povoados Taboca, Bita, Lavandeira, e na comunidade da Taiçoca de Fora que sofrem também com a constante falta d’água.

“O diretor-presidente da Deso, atenciosamente conversou com alguns moradores da Taiçoca de Fora para procurar conhecer melhor o problema e já na tarde de ontem enviou uma equipe de técnicos à comunidade para instalar um equipamento que vai aferir a vasão da água no local e saber porque a água não está chegando todos os dias”, disse Fontes.

A deputada encerrou agradecendo a atenção e disponibilidade da direção e técnicos da Deso em buscar resolver o problema e ainda destacou que na próxima terça-feira, dia 27, uma comissão formada por ela e sua assessoria, o vereador Tico, e populares, estarão no gabinete do diretor-presidente da Deso, para tratar sobre o problema da falta d’água que atinge mais drasticamente o povoado Guajará.

Por Assessoria de Imprensa