PromuAlese debate violência contra a mulher com líderes religiosos

Publicada: 23/11/2022 às 8:22

Por Kelly Monique Oliveira – Agência de Notícias Alese

A Assembleia Legislativa de Sergipe, por meio da Procuradoria Especial da Mulher do órgão (PromuAlese), participou de uma roda de conversa com instituições religiosas no combate à violência contra a mulher em Sergipe. O objetivo da iniciativa que aconteceu no auditório do Tribunal de Justiça (TJ/SE) é de conscientizar os líderes religiosos e expandir os trabalhos para coibir a violência doméstica.

Para a advogada da PromuAlese, Patrícia Erlichman, abordar a temática junto a líderes religiosos no enfrentamento à violência contra mulher é uma forma de criar um canal de conscientização onde eles podem inserir o tema nas missas, cultos, reuniões ou nos centros, pois esses líderes são fundamentais junto a comunidade independente da crença. O importante é a reflexão e o encaminhamento das vítimas.

Uma vez como líderes, eles têm comando e voz para acolherem as mulheres que procuram esses líderes relatando casos de violências domésticas e eles saibam direcionar essas mulheres para a DAGV, a PromuAlese ou a Coordenadoria do TJ. E estamos aqui, nos colocando à disposição”, colocou a servidora da Alese.

Presença

Participaram da roda de conversa representantes do Instituto Social Ágatha Talita Verônica da Silva, da Procuradoria Especial da Mulher Alese Dra. Patrícia Erlichman, e da Coordenadoria da Mulher TJSE Dra. Rosa Geane Nascimento Santos.

Foto: Divulgação

Outras notícias para você