A deputada Maria Mendonça (PP) defendeu na quinta-feira (23), que o Ipesaúde volte a atenção e garanta atendimento de qualidade aos servidores que contribuem, mensalmente, com parte dos seus salários para ter acesso ao serviço médico e odontológico da instituição. “O nosso desejo é que a direção do Ipesaúde cuide de atender aos que são a razão de existir da instituição, que é o funcionalismo”, disse a deputada, ao participar de audiência pública com o presidente do Ipesaúde, Crhistian Oliveira, na Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Sergipe.

Ela destacou que a presença de Crhistian foi importante para expor a real situação da instituição, bem como discutir os vários fatores que a levaram ao atual quadro de dificuldades. “Na primeira quinzena de fevereiro apresentamos um Requerimento, exatamente, com o objetivo de termos esses esclarecimentos. A nossa solicitação demorou ser aprovada, mas agora, tivemos a oportunidade de ouvi-lo na Comissão de Saúde”, afirmou Maria, ressaltando que o seu propósito é sempre o de bem servir à coletividade e ver os anseios dos trabalhadores atendidos.