O juiz de direito e presidente da Academia Sergipana de Letras, José Anderson Nascimento, esteve reunido com o presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), o deputado estadual, Luciano Bispo, na manhã desta terça-feira (15), a fim de propor evento alusivo ao centenário de ilustres deputados estaduais que passaram pela Casa Legislativa entre as décadas de 50 e 70.

São eles, General Djenal Tavares de Queiroz (12 de maio), deputado estadual por seis legislaturas, havendo, inclusive, presidido a Assembleia Legislativa de Sergipe, em 1975. Exerceu, também, os cargos de Vice- Governador e de Governador do Estado, além de contribuir com a cultura sergipana.  E o Professor Manoel Cabral Machado (30 de outubro), um dos fundadores do Curso de Direito da Universidade Federal de Sergipe. Exercendo também, o mandato de Vice- Governador do Estado e o cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe, do qual foi o primeiro presidente.

Para o presidente da Assembleia Legislativa, “o evento é fundamental, uma vez que deputados estaduais prestaram relevantes serviços ao povo de Sergipe”.

Ainda de acordo com Bispo, para marcar as datas, em parceria com a Academia Sergipana de Letras, livros dos homenageados serão editados, bem como, será lançando um selo comemorativo ao centenário dos ilustres deputados, para todas as correspondências oriundas do Poder Legislativo.

Segundo José Anderson Nascimento, será criada uma Comissão Especial, que projetará esse importante evento que marca o centenário de nascimento de dois grandes ilustres que fizeram história em Sergipe e no Poder Legislativo.

 

 

Texto e foto: Luciana Botto, Agência de Notícias Alese