A deputada Goretti Reis (MDB) fez indicações à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), três indicações na última segunda-fera, 26. A primeira delas, de número 70/2018, é para que seja encaminhada ao governador Jackson Barreto (MDB), o recapeamento asfáltico  na Rodovia SE 170, no trecho que liga os municípios de Lagarto, Riachão do Dantas e Tobias, que segundo a parlamentar, se encontra em péssimo estado de conservação.

“Registram-se constantemente acidentes graves na Rodovia SE-170, causando mortes ou sequelas por causa dos buracos na rodovia. É sabedor que se realize operação tapa buracos de forma rotineira, porém esta ação não surte efeito desejado, e com certeza torna-se mais onerosa do que realizar o recapeamento, haja vista a quantidade de intervenções feita em um determinado período”, justifica.

Goretti Reis disse ainda que, com o recapeamento, irá otimizar recursos, da segurança aos transeuntes, reduzir acidentes, além de contribuir para o fortalecimento do comércio de Tobias Barreto, que vem diminuindo seu potencial por causa das péssimas condições da estrada. “Sem sinalização, esburacada, com acostamento cercado de mato, estas estradas oferecem sérios riscos aos transeuntes e causam danos aos veículos”, completa.

Simão Dias

Na indicação 71/2018, a deputada Goretti Reis reivindica ao governador Jackson Barreto, o recapeamento asfáltico da Rodovia  SE/179, trecho entre os municípios de Simão Dias e Pinhão, até o entroncamento com a Rodovia Federal 235.

“O objetivo é ajudar no desenvolvimento socioeconômico desses municípios e da região. Na rotina diária, é grande o número de pessoas que usam estas rodovias, a exemplo de estudantes que buscam conhecimentos nas universidades de Lagarto e no município de Paripiranga, vizinho de Simão Dias. Sem contar com comerciantes, agricultores que escoam sua produção e pessoas que buscam o sistema de saúde de Lagarto”, ressalta.

E na indicação 77/2018, a deputada solicita ao gerente operacional da Anatel em Sergipe, Senhor Odiley Araújo Borges, a implantação de uma torre de telefonia celular na região do Povoado Jenipapo, no município de Lagarto.

“O Povoado Jenipapo localizado a 18 km do centro urbano de Lagarto é considerado um dos povoados mais importantes do município e a comunidade está reivindicando essa torre devido às péssimas condições de comunicação via telefone celular, alegando que o sinal é bastante fraco o que vem prejudicando contatos, reduzindo laços familiares e contatos com o sistema de saúde e concretização de negócios”, lamenta.

Por Agência Alese de Notícias – #RedeAlese