Goretti Reis festeja andamento das obras do Hospital do Amor

Publicada: 29/11/2022 às 11:44

Por Wênia Bandeira/Agência de Notícias Alese

A deputada Goretti Reis (PSD) subiu à tribuna, nesta terça-feira, 29, para declarar sua alegria pelo andamento das obras do Hospital do Amor, localizado em Lagarto. Na última sexta-feira, foi realizada a prestação de conta das emendas de bancadas destinadas para o hospital pelos deputados estaduais e federais.

“A gente pode observar que a facilidade das PPPs (Parcerias Público-Privadas) é a agilidade na execução das coisas. Em pouco tempo você já vê grande parte da estrutura pronta, já mobiliada, com móveis, macas, cadeiras para o serviço inicial, que é o atendimento de prevenção e promoção e atenção aos cuidados primários, dentro deles o atendimento com quimio e radioterapia”, falou a parlamentar.

A programação do Hospital é que a conclusão de aquisição de equipamentos e estrutura da sala para radioterapia aconteça em fevereiro e março. Ela ainda destacou a qualidade dos serviços prestados pelo Hospital do Amor em outras cidades.

“Eu tive a oportunidade de estar no Hospital de Barretos e a gente vê o quanto é um atendimento humanizado, acolhedor, no momento que a gente sabe o que é um câncer e quanto é sofrido, não só para os doentes, mas também para os familiares”, falou.

Goretti Reis pediu a disponibilização de ajuda financeira aos demais deputados. As declarações ocorreram durante o pequeno expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa de Sergipe.

Visita à Europa

A deputada também falou sobre sua viagem a países da Europa junto com a diretoria da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale). Foram diversos os assuntos abordados na visita aquele continente, passando por várias áreas.

Ela disse que foi possível ver o trabalho desempenhado para a análise de solo para reduzir uso de fertilizantes e inseticidas. Na região existe dificuldade climática, mas eles estão preparados com estufas.

“Isso foi muito positivo, ver a tecnologia com o maquinário, robôs, drones para avaliar e monitorar todo o plantio e o solo. O avanço tecnológico deixa a gente abismado”, afirmou a parlamentar.

Goretti disse que as casas não têm infiltração da maré mesmo estado muito abaixo do nível do mar e o transporte prioritário é feito de bicicleta, inclusive com prédios inteiros destinados para estacionamentos destas bicicletas usadas pela população para evitar a quantidade excessiva de veículos em razão da poluição.

“Eles fazem também a coleta seletiva, quase em todas as ruas você vê a disponibilidade de espaços imensos para o que é papel, vidro, plástico, orgânico, tudo separado e reaproveitado, inclusive com sensores que indicam que o coletor está cheio. A população pode ligar para avisar que o coletor está cheio também”, detalhou.

Ela ainda salientou que muito das coisas que é feito pela Europa é possível que se traga para fazer no nosso país.

Foto: Jadilson Simões/Agência de Notícias Alese