ELESE ajuda ONG que cuida de animais através do descarte de material

Por Aldaci de Souza

O Dia do Bibliotecário comemorado nesta sexta-feira, 12, foi lembrado na Biblioteca Marcelo Deda, da Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Sergipe (ELESE), com o destaque para uma ação social realizada com a venda do material obsoleto, cujo valor arrecadado foi repassado a uma Organização Não Governamental (ONG) que cuida de animais em Sergipe.

Celson Iris destaca desafios e perspectivas de superação

De acordo com o analista biblioteconomista Celson Iris da Silva, de setembro de 2020 até fevereiro deste ano, o processo de reestruturação da Biblioteca da Escola do Legislativo foi adiantado com o descarte de 4.100 kg de material obsoleto. “Todo o material foi repassado para uma empresa de reciclagem e o valor arrecadado foi revertido para uma ONG que trabalha na defesa de animais para a compra de remédios, por exemplo”, informa.

Sobre o Dia do Bibliotecário, Celson Iris destacou alguns desafios e perspectivas de superação. “Especialmente na Elese, a dificuldade é que durante muito tempo não tivemos profissionais especializados para tocar a biblioteca e com isso, ela ficou esquecida. O nosso desafio hoje enquanto bibliotecário é fazer com que a biblioteca seja apresentada aos deputados, aos servidores da Assembleia Legislativa de Sergipe e à sociedade”, afirma lembrando que a biblioteca da ELESE é coorporativa, mas franqueada ao público externo que só não pode levar o material para casa.

“Esse trabalho de integração com a sociedade deverá ser feito à medida que o espaço for sendo estruturado. Outro desafio é que que a biblioteca sempre sobreviveu de doações, ou seja, nunca foi feita a compra de obras. E a perspectiva é de que possamos renovar o acervo de livros para que o local se torne cada vez mais atraente aos leitores”, entende.

Fotos: Jadilson Simões