Dia Internacional da Mulher: Kitty Lima cobra pauta de votação da Alese em prol das mulheres

Publicada: 08/03/2022 às 16:07

8/3/2022

Por Assessoria Parlamentar 

No dia em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, a deputada estadual Kitty Lima (Cidadania) utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) para cobrar da Mesa Diretora a inserção, às pautas de votações, de projetos já protocolados na Casa que visam fortalecer a rede de proteção às mulheres e que ampliam seus direitos por meio de novas leis, além das proposituras que evidenciam o papel delas na construção de uma sociedade mais justa e de combate a qualquer tipo de preconceito de gênero.

De acordo com a deputada, a Casa possui diversas iniciativas já protocoladas com foco no bem estar e valorização da mulher nos mais diversos setores, porém a falta de interesse da Mesa Diretora da Alese em pautá-las para votação dificulta que projetos importantes saiam do papel para se tornarem realidade, principalmente, no dia-a-dia delas.

“Ganhar flores e presentes hoje é bom, mas podemos deixar isso para outro dia. Hoje eu preciso que essa Casa some forças para que a gente pressione a Mesa Diretora a colocar nossos projetos em prol das mulheres em pauta para votação. Precisamos que essas iniciativas sejam analisadas e votadas pelo Legislativo porque são projetos importantes que visam melhorar a qualidade de vidas das sergipanas. Por que não aproveitar essa semana em que se comemora o Dia Internacional da Mulher para votarmos pautas repletas de projetos voltados a mulheres que estão engavetados nesta Casa?”, propôs Kitty.

“Não é só apenas ‘parabéns deputadas, vocês são importantes’, nos abraçar e beijar pelo nosso dia. A gente quer ver essa importância conosco na hora de votar nossos projetos. O maior presente que esta Casa pode dar a nós mulheres é chegarmos esta semana para votar pautas repletas de projetos com foco nas mulheres. Eu mesmo tenho vários protocolados aqui que sequer entraram para pauta de votação até hoje, muitos deles são propostas simples, mas de grande relevância para nós mulheres, e que nem oneram o governo”, ressalta Kitty.

A parlamentar lembrou, por exemplo, de um Projeto de Lei de sua autoria que obriga que em eventos públicos e privados sejam feitas publicidades de canais de denúncia de casos de abusos e violência física e sexual contra mulheres, além de explicar como identificar esse tipo de violência e para quais autoridades elas devem recorrer para denunciar esses casos.

“São projetos como esse voltado às mulheres que a gente tenta implementar em nosso estado e precisam ser aprovados por esta Casa, mas infelizmente há grande resistência para eles que venham para a pauta de votação. Assim como esse, existem tantos outros de minha autoria e de autoria de outros colegas deputados, propostas que não oneram os cofres públicos e que, ainda assim, são de grande relevância para nós mulheres. São iniciativas que protegem ainda crianças e adolescentes que precisam dessa atenção especial”, pontou.

“Mais do que a gente agradecer aos parabéns pelo nosso dia, eu espero que a homenagem maior venha essa semana com uma pauta de votação cheia de propostas votadas as mulheres, e tenho certeza que minhas colegas deputadas concordam comigo”, concluiu Kitty.

Foto: Assessoria

Outras notícias para você