Por Assessoria de Imprensa

Na manhã desta quinta-feira, 05, o deputado Iran Barbosa, do PT, manifestou sua preocupação quanto ao projeto, da Prefeitura de Aracaju, de retirar todas as árvores – de mais de 30 anos – do canteiro central das avenidas Hermes Fontes, Adélia Franco e Empresário José Carlos Silva, antiga Heráclito Rollemberg, para a construção de um
corredor de transporte coletivo.

O anúncio foi feito pelo prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB), na quarta-feira (04).
“Aracaju tem uma cobertura vegetal muito baixa e uma sensação térmica muito elevada exatamente porque se impermeabilizou demais o seu solo e muitas árvores foram derrubadas. E agora somos surpreendidos com a notícia de que haverá o corte daquelas árvores. Claro que existem questões técnicas que ainda precisam ser bem compreendidas, e há o debate sobre mobilidade urbana. Mas, sobre isto, quero dizer que não podemos garantir melhores condições para os veículos, piorando as condições para as pessoas”, criticou o parlamentar, que foi contra proposta semelhante quando ainda era vereador da Capital.

“Quero aqui reverberar essa preocupação que está, desde ontem, a partir do anúncio do prefeito, candente nas redes sociais, e também porque algumas pessoas me abordaram sobre o assunto, em função de que, no período em que fui vereador, procurei incidir bastante sobre a necessidade de uma política séria de arborização em Aracaju e também
em outras cidades de Sergipe”, explicou.

O petista pediu o apoio dos demais parlamentares ao Requerimento que estará protocolando, solicitando informações ao prefeito Edvaldo Nogueira para que dê detalhes sobre o projeto que demandará a derrubada das árvores do canteiro central das avenidas Hermes Fontes, Adélia Franco e Empresário José Carlos Silva, assim como qual a necessidade técnica do corte, e quais serão e como se darão as compensações em função da aludida derrubada das árvores.

“A preocupação com a arborização nas nossas cidades é permanente no nosso mandato. A minha assessoria tem um núcleo de Meio Ambiente que tem desenvolvido ações práticas importantes nessa área, organizando e executando o plantio de diversas mudas de árvores, contribuindo para a ampliação da arborização em vários municípios e
recuperando matas ciliares, dialogando com prefeitos, movimentos sociais, diretores de escolas e com lideranças de comunidades tradicionais, buscando alargar a margem de cobertura vegetal do nosso estado, especialmente nas margens de rios, para assegurar o abastecimento aquífero. Neste sentido, toda ação que acaba por diminuir essa cobertura vegetal nos preocupa muito”, enfatizou Iran Barbosa.

Foto: Divulgação Ascom