Covid-19: Kitty Lima quer que escolas estaduais abriguem pessoas em situação de rua

A vulnerabilidade das pessoas em situação de rua tem sido um dos focos da atuação da deputada estadual Kitty Lima (Cidadania) durante a pandemia do novo coronavírus Covid-19, e pensando em formas de viabilizar as condições mínimas de enfrentamento a essa crise em todo o estado, a parlamentar protocolou na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) uma indicação ao Governo do Estado solicitando a abertura das escolas públicas estaduais para que sirvam de abrigo para essas pessoas.

De acordo com o texto, além de disponibilizar as instalações das escolas durante o período em que os alunos não estão em sala de aula em cumprimento às determinações do isolamento social impostas pelas autoridades sanitárias e pelo Governo do Estado, o Executivo Estadual deverá ainda proporcionar a estes cidadãos a assistência médica e social necessária.

“Diante da disseminação desse vírus é de extrema importância que sejam tomadas medidas emergenciais para reduzir o risco de contaminação e atender a parte da população sergipana que vive em situação de rua. Não podemos fechar nossos olhos para essas pessoas que vivem em uma grande vulnerabilidade social e que fazem parte de um grupo de risco por viverem em locais abertos na rua, e por isso estamos encaminhando essa indicação ao governo para que a gente possa dar a essas pessoas condições de se protegerem dessa pandemia”, explica Kitty.

A iniciativa da parlamentar se soma a outra indicação apresentada por ela na semana passada que visa a distribuição de álcool 70% por parte da Secretaria de Estado da Saúde (SES), em parceria com as secretarias municipais de saúde, para que a população em situação de rua possa garantir a higienização necessária para evitar o contágio e proliferação do vírus.

“Nesse contexto o acolhimento dessas pessoas é imprescindível para a prevenção, oferecendo, além do abrigo com acesso a higienização necessária, informação e alimentação adequada. A abertura dessas escolas nesse momento em que as aulas estão suspensas por conta do isolamento social será extremamente importante para protegermos essas pessoas que dependem do assistência do poder público. Estamos atuando de forma rápida para evitar que a situação se agrave, e agora aguardamos também uma resposta positiva rápida do Governo do Estado para o atendimento a essas solicitações”, torce Kitty.

Outras notícias para você