Por Stephanie Macêdo

A série “O Voto” chegou ao seu 10º episódio e narra sobre a conquista histórica do voto feminino no Brasil.  O novo episódio conta que  nem sempre a mulher votou, e que o voto feminino no Brasil foi conquistado apenas em 1932 e incorporado à Constituição de 1934 como facultativo. Contudo, somente o Código Eleitoral de 1965 equiparou o voto feminino ao dos homens. 

Antes mesmo de 1932, documentos históricos apontam que a professora Celina Guimarães foi a primeira eleitora brasileira. Celina requereu sua inclusão no rol de eleitores do município de Mossoró (RN), onde nasceu, em 1927, após a entrada em vigor da Lei Estadual nº 660, de 25 de outubro daquele ano, que tornava o Rio Grande do Norte o primeiro estado a estabelecer a não distinção de sexo para o exercício do voto.

A inscrição eleitoral de Celina repercutiu mundialmente, por se tratar não só da primeira eleitora do Brasil como também da América Latina.

A série

Os episódios da série O Voto estão sendo exibidos nos canais de comunicação do Poder Legislativo ao longo deste mês de outubro. O objetivo do conteúdo apresentado em vídeos é  apresentar a evolução do voto no Brasil e a importância das eleições para o desenvolvimento da sociedade.

Confira mais esse novo e interessante episódio da história do voto no Brasil através  da  Tv Alese (canal 5.2)  e pelos demais canais de comunicação oficial da Casa: Agência de Notícias, Youtube, Facebook e Instagram. 

Foto: TSE