O deputado estadual Zezinho Guimarães (PMDB) comemorou nesta quarta-feira (1/7) a decisão da Secretaria estadual da Fazenda (Sefaz) de prorrogar, até 31 de dezembro próximo, a pauta fiscal dos produtos fabricados pelas indústrias ceramistas.

“Os empresários e Sindicatos do setor estavam apreensivos com essa mudança de regime. Houve uma forte mobilização e, após uma reunião com o secretário Jeferson Passos, chegou-se a um consenso”, afirmou Zezinho, ressaltando que “é uma conquista importante, especialmente, nesse momento de crise onde todos enfrentam dificuldades”.

Zezinho destacou, sobretudo, o ganho para Itabaianinha, seu principal colégio eleitoral e onde se concentra grande número de indústrias ceramistas. “Mudar o regime no atual cenário econômico, iria de encontro aos anseios desse segmento”, destacou o deputado, explicando que com a pauta fiscal, o Governo estabelece um valor do produto para a partir daí definir a tributação. “Essa pauta fiscal observa não só mercado, mas também a política adotada por outros Estados”, completou.

Em abril passado, a Sefaz publicou Portaria alterando a pauta fiscal de valores mínimos dos produtos fabricados pelas indústrias ceramistas, bem como prorrogando os seus efeitos até o último dia 30 de junho. “Os empresários e segmentos do ramo ficaram preocupados, principalmente por conta dessa grave crise econômica que tem afetado o setor ceramista”, afirmou Zezinho.

Fonte: Ascom Parlamentar Dep. Zezinho Guimarães