Por Assessoria Parlamentar
 
Nesta quinta-feira,  08, Dia Mundial de Combate ao Câncer, o deputado estadual Talysson de Valmir, PL, chama a atenção para a importância da prevenção e da garantia do tratamento precoce da doença. O deputado é autor de Projetos de Lei voltados à garantia de direitos e melhor qualidade de vida a pacientes oncológicos. O Inca (Instituto Nacional do Câncer) estima o aparecimento de 625 mil novos casos de câncer somente no Brasil a cada ano do triênio 2020-2022.
 
“São números alarmantes e que pedem uma maior atenção nas medidas de prevenção e tratamento precoce e adequado. O câncer é uma doença em que a chance de cura está diretamente ligada à descoberta precoce e ao tratamento eficaz. Por outro lado sabemos que uma melhor qualidade de vida e um comportamento preventivo podem reduzir a incidência da doença no país. É preciso oferecer informação para a população.  É necessário garantir a prevenção e a realização de exames periódicos preventivos. É fundamental garantir tratamento “, destaca. 
 
É de autoria de Talysson a Lei Estadual n. 8630 de 17 de dezembro de 2019, em vigor, que garante prioridade no atendimendo a pessoas em tratamento de quimioterapia. Ele explica que o intuito foi minimizar os inúmeros desafios que um paciente em tratamento enfrenta diariamente na busca pela cura de sua enfermidade. A Lei abrange pessoas em tratamento de quimioterapia, radioterapia, hemodiálise ou que utilizam bolsas de colostomia, e garante prioridade em vagas de estacionamento, em assentos no transporte público e nos demais estabelecimentos públicos ou privados, a exemplo do que já é garantido às pessoas com dificuldade de locomoção. O parlamentar explica que o é intuito é facilitar o convívio social destes pacientes, tão  fragilizados pela doença. 
 
Outra propositura do parlamentar, também já aprovada pela Alese, é o Projeto de Lei que garante ao servidor público o direito à falta remunerada para a realizaçãode exames preventivos. “Defendo sempre que a prevenção é o melhor remédio”.
 
Foto: Jadilson Simões