Por Habacuque Villacorte

A deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, na manhã dessa quarta-feira (13), para defender que o poder público intensifique as políticas de proteção às crianças e adolescentes. A parlamentar falou fazendo uma alusão ao “Dia das Crianças”, celebrado nessa terça-feira (12).

“Nossas crianças estão sendo violentadas, prejudicadas. É fato que a Delegacia Especial de Atendimento tem agido de forma célere, mas quero deixar registrado os índices relevantes que são alarmantes. Entre janeiro e setembro desse ano foram 2.395 denúncias de violência contra crianças e adolescentes registradas em Sergipe”, relatou a parlamentar.

Em seguida, Maria Mendonça falou que, segundo a SSP, no mesmo período em 2020, foram registrados 2.123 casos.  “Aumentaram os casos de forma assustadora e é necessário que isso seja explicitado para a população entender melhor o problema. São ameaças, lesões corporais, estupros de vulneráveis, além de outros maus tratos. São dados estarrecedores e reforçamos as políticas de proteção”.

CMAIS

Maria Mendonça também destacou o projeto de lei, de autoria do Poder Executivo, aprovado na Alese que Institui o Programa “CMAIS — Sergipe Acolhe” de proteção às crianças e adolescentes órfãos de vítimas da COVID-19 no Estado de Sergipe.

“Muitas dessas crianças que ficaram órfãs passam por um trauma ficam desesperadas. No caso de violência contra as crianças e adolescentes reforço aqui os telefones 181 e 100 para denúncias precisas e rápidas, no sentido que a gente garanta providências para que nossas crianças tenham o direito de sonhar, brincar, vivendo a infância e se tornar cidadãos capazes de construir um mundo melhor”, concluiu a deputada.

Foto: Joel Luiz