Por Assessoria Parlamentar

A deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) destacou hoje (19), a sua preocupação com a possibilidade dos estudantes da Universidade Federal de Sergipe (UFS) serem prejudicados no início do segundo semestre letivo, em virtude do bloqueio de recursos destinados à instituição.

“Esses recursos foram bloqueados em abril e, logo em seguida, apresentamos uma Moção de Apelo ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, para que ele pudesse rever essa desastrosa decisão de cortar 30% das verbas destinadas às instituições federais, como o IFIS e a UFS”, afirmou, ressaltando que essa instabilidade na continuidade do ensino representa um grande dano à classe estudantil universitária.

Maria lembrou que a UFS – que oferece 113 cursos de graduação – é referência na pesquisa sobre a microcefalia. “Recentemente, uma equipe da Universidade de São Paulo (USP) esteve no Hospital Universitário, que é da própria UFS, para conhecer o trabalho que é realizado sobre a microcefalia”, afirmou, observando que “por ser pública, é uma universidade inclusiva e que gera pleno desenvolvimento para todo o Estado, a partir dos seus diversos programas”.