A comunidade de Graccho Cardoso foi surpreendida com o fechamento na última sexta-feira do Ponto Banese que servia à cidade e era mantido ali pelo Banese Card. Na sessão de ontem da Alese, o deputado Luciano Pimentel, PSB, fez um pronunciamento lamentando o fechamento do posto que servia àquele município há cerca de 10 anos.

Luciano Pimentel traduziu com precisão a angústia dos comerciantes, dos empresários, dos funcionários públicos, da classe política e, sobretudo, a do prefeito Cassinho da Quixabeira.

Luciano Pimentel agiu em tom de “apelo” ao governador Jackson Barreto e ao presidente do Banese, Fernando Mota, no sentido de que revejam a decisão que prejudicará de 5.645 habitantes. Além do discurso, ele apresentou um requerimento reivindicando que o Posto seja reaberto.

Para o parlamentar, nem mesmo a falta de lucratividade do Ponto Banese de Graccho justifica o fechamento. O deputado alegou que, por ser um banco público, o Banese tem a obrigação de usar os recursos obtidos em outras regiões lucrativas do Estado no subsídio a localidades deficitárias.

O prefeito Cassinho também tem profundas queixas contra o encerramento das atividades do banco. “Eu procurei a Diretoria do Banese e disse a eles que colocaria à disposição do banco os dois funcionários que ele necessita para funcionar, assumiria as contas de água, de luz, de telefone e o aluguel. O Banese arcaria apenas com o custo do vigilante. Nem assim convencemos. Nos queixamos até ao governador em exercício, Belivaldo Chagas, mas nada”, diz Cassinho.

Para o prefeito, com a retirada do Ponto Banese o município fica órfão de uma agência bancária e todas as movimentações particulares e públicas terão de ser feitas em Aquidabã ou em Nossa Senhora da Glória. “Isso é um prejuízo sem precedentes para a história de Graccho, sobretudo para o comércio. Quem vai sacar dinheiro em Glória ou Aquidabã, termina consumindo por lá mesmo”, diz Cassinho.

“Entendo o sentimento do prefeito e espero que o governador e o presidente do banco revejam esta decisão”, disse o deputado Luciano Pimentel.

Fonte: Ascom Parlamentar – Dep. Luciano Pimentel (Jozaito Lima)