Por Assessoria Parlamentar

A mortandade de peixes em uma barragem do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Denocs), em Nossa Senhora da Glória, chamou a atenção da população local que, preocupada com o agravamento da situação, denunciou o caso à deputada estadual Kitty Lima (Cidadania) que oficiou o Ministério Público Estadual (MPE) para que as medidas cabíveis para investigar as causas e solucionar o problema com características de crime ambiental sejam adotadas.

De acordo com a população local o problema é antigo e rotineiramente  a comunidade é surpreendida pela grande quantidade de peixes mortos na barragem. Os moradores da região afirmam que já denunciaram outras vezes o caso e apontam indícios de que a água tenha sido contaminada por rejeitos da fábrica NatVille, localizada próxima à barragem.

“Nós recebemos a denúncia com fotos e vídeos dos peixes mortos da população de Glória e encaminhamos todo o material ao MPE pedindo que o órgão investigasse a mortandade, que deu prosseguimento à denúncia encaminhando o caso ao Ministério Público Federal [MPF], uma vez que trata-se de um espaço sob responsabilidade de um órgão federal” disse Kitty.

Por conta das características de crime ambiental, a deputada solicitou ainda que a Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) fiscalizasse a possibilidade da barragem está recebendo rejeitos da fábrica de forma irregular.

“Queremos que esse caso seja apurado para entendermos o motivo da morte desses animais, e esperamos que a Adema atue reforma minuciosa. Além disso, entramos em contato com o Denocs, responsável pela barragem, para que proceda com a análise da água junto com a Adema. A população de Glória está preocupada com essa situação e quer respostas, e como protetora ambiental cobrarei as respostas necessarias a todos os envolvidos”, garantiu Kitty.

Foto: Jadilson Simões