Por Assessoria da Parlamentar

Dedicado à mobilização e conscientização sobre a violência contra a pessoa idosa, a campanha Junho Roxo, no entender da deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) é uma oportunidade para ampliar o debate sobre o assunto, considerando o alto número de registros ocorridos, especialmente, no período de isolamento social.

“Nós temos consciência de que na pandemia houve um aumento absurdo de violência intrafamiliar contra crianças, adolescentes, mulheres e idosos. Essa é uma questão que deve estar na pauta de prioridade dos gestores e da sociedade de forma geral, visando o seu enfrentamento”, disse Maria.

Ela citou que dadodo Disque 100, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanosmostram que nesse período, o número de casos de violência contra a pessoa idosa cresceu cerca de 59% nos primeiros meses de 2020. “O percentual se repete, também, este ano. São pessoas vulneráveis que, dada a necessidade de ficarem em isolamento social, acabam sendo obrigadas a conviver com agressores”, disse Maria.

A deputada ressaltou que os levantamentos revelam que considerável parte das violações são patrocinadas por filhos.  “É imprescindível discutirmos estratégias para enfrentar esse mal, preservando a garantia de direitos e, naturalmente, a vida desses idosos”, afirmou.