Durante o pequeno expediente desta segunda-feira, 28, o deputado estadual Georgeo Passos (PTC) mostrou-se preocupado com a possibilidade da acentuação da crise econômica em Sergipe com o aumento da alíquota do ICMS em Sergipe, de acordo com projetos que podem ser votados esta semana.

“Neste momento de recessão, onde a economia está quase parando, estaremos contribuindo para que as empresas passem mais dificuldades e optem pela demissão, se estes projetos forem aprovados”, argumentou Georgeo. “É uma matéria que nos preocupa, pois passamos por um momento delicado e não será com aumento de impostos que ajudaremos o povo de Sergipe”, salientou o parlamentar, destacando que o ICMS se encontra estável, sem queda na arrecadação do imposto.

Georgeo reiterou a preocupação com a economia em Sergipe com a aprovação destas medidas. “Nós percebemos a dificuldade que passará o comercio sergipano se as medidas forem aprovadas. A solução não é aumentar impostos”, afirmou o parlamentar. “Vivemos um momento de recessão, onde a economia está praticamente parando, e tributando o consumo da família sergipana, teremos problemas, sem dúvidas. Isso só fará com que empresas passem por mais dificuldades”, destacou.

“Reitero meu voto contrário e acredito que os companheiros da oposição seguirão o posicionamento contrário ao projeto, cabendo à bancada do governo decidir se o povo de Sergipe deve pagar esta conta, ou não”, concluiu.

Fonte: Ascom Parlametar- Dep. Georgeo Passos (Marcos Menezes)
Foto: César de OLiveira