Durante sessão itinerante realizada em Nossa Senhora da Glória, deputado abordou problemas enfrentados pelo povo do Sertão e cobrou ações do Executivo: “na eleição, o cenário era bem diferente”

Em discurso feito durante a sessão itinerante da Assembleia Legislativa, realizada na cidade de Nossa da Glória, no sertão sergipano, na manhã desta quarta-feira, 25, o deputado estadual Georgeo Passos, PTC, criticou o Governo do Estado e pediu soluções para alguns problemas enfrentados na região. Para o parlamentar, o Executivo “faz com que o sertanejo sofra”.

Georgeo lembrou do Hospital Regional de Glória, que está em reforma. A questão, inclusive, foi tema da indicação de número 348, de autoria do parlamentar, que solicita ao Governo a conclusão das obras na unidade.

“Está deixando toda a população sem atendimento médico. Muita gente hoje está indo para Itabaiana, Lagarto, Capela – o que é lamentável. Uma cidade tão importante, que representa tanto para o povo sergipano, passar por vários danos, por uma obra que se arrasta a anos”, falou o parlamentar.

Ainda em seu pronunciamento, Georgeo Passos falou sobre o problema da falta de água nos municípios sertanejos que, segundo ele, “é crítico”. “A Deso presta um péssimo serviço. A falta de água é constante em Glória, mas a população recebe a conta no final do mês. E se não pagar, a Deso corta o fornecimento. É um absurdo”, argumentou.

Georgeo, inclusive, apresentou indicação, de número 350, pedindo ao governador e ao presidente da Deso providências para sanar as contates faltas de água em Glória, especialmente nos povoados Mocambo, Boa Hora, Serrinha e outros. “É uma medida de extrema importância, para uma população que sofre com a suspensão do abastecimento por longos períodos”, argumentou.

SEGURANÇA

Passos falou também de outro grave problema enfrentado pelos sertanejos: a escalada de violência e de insegurança. O deputado analisou que Sergipe caminha para ser um dos Estados com o maior índice de homicídios e que isso tem levado um clima de temor para a população. “A cada dia, o sertanejo tem medo de ficar do lado de fora da sua casa. Tem mais medo de sair com sua moto para vir no Centro da cidade”, comentou.

A indicação de número 349, também de autoria de Georgeo, aborda justamente a questão da segurança pública. O parlamentar pediu ao secretário de Estado de Segurança Pública e também ao comandante da Polícia Militar de Sergipe a instalação de um posto policial no povoado São Mateus, em Gararu, a fim de atender a localidade e também os povoados vizinhos.

DESGOVERNO

O deputado questionou ainda a mudança de cenário no Governo do Estado. O parlamentar, que compõe o bloco de oposição no Legislativo, indagou o fato de durante a campanha eleitoral, o então candidato e futuro governador Jackson Barreto, PMDB, ter mostrado um Sergipe que ia bem das pernas.

“Na eleição, o cenário era bem diferente. Era de Sergipe um Estado que estava avançando e que não tinha crise. Que não passava por dificuldades. Quantas propagandas foram feitas neste sentido? Será que em seis meses o governador que assumiu arrasou o Estado de Sergipe ou será então que ele mentiu? Todo mundo está sentindo na pele o desgoverno que estamos vivendo”, criticou.

Por Ascom Parlamentar Dep. Georgeo Passos

Fotos: Fágner Nascimento Cunha