Por Aldaci de Souza

O deputado Georgeo Passos (CIDADANIA), anunciou na sessão desta quinta-feira, 14, na Assembleia Legislativa de Sergipe, que já conseguiu oito assinaturas (o mínimo exigido) para a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19.

De acordo com o requerimento, o objetivo é “investigar ações e omissões do Governo de Sergipe, no combate à pandemia do novo coronavírus, especialmente, acerca da aplicação dos recursos originalmente destinados a esse fim, a compra milionária de respiradores via Consórcio Nordeste, bem como os casos de fura-filas da vacinação contra a Covid-19 no estado”.

“Eu comunico à sociedade sergipana através da tribuna da Assembleia, que nós conseguimos as oito assinaturas para instalar a CPI da Covid-19 em Sergipe. Vou protocolar o requerimento assinado pelos colegas deputados de acordo com o que diz o Regimento Interno da Casa”, destaca acrescentando que a oitava assinatura que faltava ao requerimento foi feita na manhã desta quinta.

Georgeo Passos garantiu que a ideia não é fazer com a CPI Covid Sergipe, um ‘Caça às Bruxas’. “Nós temos bastante tranquilidade e serenidade; queremos apurar os fatos e não as pessoas, para que possamos dar uma resposta à sociedade sergipana, a exemplo de como os colegas do Rio Grande do Norte vêm conduzindo a CPI naquele estado. Não foi fácil conseguir o mínimo de assinaturas e agora iniciaremos uma outra etapa seguindo as normas do Regimento Interno”, observa.

Comissão

O documento informa que a Comissão Parlamentar de Inquérito deverá contar com cinco deputados titulares e cinco suplentes e a duração dos trabalhos deverá ser de 90 dias.

Assinaram o requerimento, os deputados: Georgeo Passos, Dr. Samuel Carvalho e Kitty Lima (do CIDADANIA); Gilmar Carvalho (PSC), Rodrigo Valadares (PTB), Iran Barbosa (PT), Zezinho Guimarães (MDB) e João Marcelo (PTC).

Foto: Jadilson Simões