Deputados acompanham visita de ministro ao Hospital de Cirurgia

Publicada: 03/11/2022 às 17:52

Por Aldaci de Souza – Agência de Notícias Alese

O presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado Luciano Bispo (PSD), os deputados Zezinho Sobral (PDT) e Rodrigo Valadares (União Brasil), acompanharam na tarde desta quinta-feira, 31, a visita do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga ao Hospital de Cirurgia Dr. Augusto Leite, em Aracaju. O objetivo foi conhecer a estrutura da unidade hospitalar, após o processo de revitalização. 

Luciano Bispo destacou o trabalho de Márcia Guimarães

Para o presidente da Alese, a visita do ministro foi muito importante para mostrar o funcionamento do Hospital de Cirurgia, que atende grande parte da população sergipana pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“Quando se trata da área de saúde, é importante termos visitas como essa para discutir a liberação de recursos e mostrar como estão sendo aplicados. Quero parabenizar a interventora do Hospital de Cirurgia, Márcia Guimarães, que faz um trabalho exemplar. Quem esteve aqui há quatro anos e está vindo aqui hoje, fica entusiasmado com o que essa mulher fez e faz pelo Cirurgia. Só temos a agradecer e dizer Deus lhe pague pela boa vontade que ela tem com esse hospital”, destaca o presidente Luciano Bispo.

Sobre a visita, o deputado Zezinho Sobral falou sobre a oportunidade de olhar de perto as transformações feitas na unidade hospitalar.

Zezinho Sobral disse ter ficado muito feliz com as transformações no Hospital de Cirurgia

“O ministro pôde observar a gestão, a organização e a eficiência do SUS em Sergipe; a qualidade do atendimento, a dinâmica que foi estabelecida e a recuperação para essa santa casa que é filantrópica, mas que hoje tem uma função importantíssima para uma saúde de qualidade. É muito bom a gente estar acompanhando essa visita lembrando que vários parlamentares colocaram emendas. O deputado Laércio Oliveira foi o que mais apresentou emendas do Orçamento da União; nós também apresentamos uma emenda de 450 mil reais para a compra de equipamentos, apostando na qualidade  da gestão eficiente em Sergipe”, afirma.

Zezinho Sobral ressaltou que mulheres e homens atuando como interventores, recuperaram o Hospital de Cirurgia e devolveram a esperança de um hospital de qualidade, muito importante na elaboração de um sistema eficiente de resolutividade das cirurgias eletivas, problemas coronarianos, renais, quimioterapia e radioterapia.

Deputados e demais autoridades percorrem as instalações do hospital

“É uma hospital que se amplia, se renova e se adeqüa às normas do SUS, além de ter sido um exemplo no tratamento da Covid-19, sendo uma das UTIs que mais salvaram vidas. Parabéns a toda equipe”, enfatiza.

Referência

Durante entrevista à imprensa, o ministro Marcelo Queiroga teceu vários elogios à unidade de saúde.

“O Hospital de Cirurgia é uma das referências em atenção especializada à saúde, notadamente no serviço de alta complexidade cardiovascular, que atende o infarto agudo do miocárdio, que a principal causa de óbitos  o serviço de oncologia  foi renovado.  Eu já conhecia o Hospital de Cirurgia e com a reestruturação, foi fortalecido principalmente durante a pandemia da Covid-19, quando foi ampliada a sua capacidade assistencial, de terapia intensiva e estruturação. Significa dizer que o sonho do Dr. Augusto Leite permanece vivo para trazer esperança para a população de Aracaju e do nosso querido estado de Sergipe”, reconhece.

Márcia Guimarães diz que o Cirurgia é referência

A interventora Márcia Guimarães também destacou a referência do Cirurgia para a região Nordeste e em várias partes do país, principalmente na área cardiológica. “O ministro da Saúde é cardiologista e reconhece o destaque do Hospital de Cirurgia com nota A e nos informou hoje que seremos classificados com nota AA, porque não só realizamos um elenco grande de procedimentos como também iguais aos outros serviços de ponta. Desde o processo de intervenção em 2018, iniciamos a reestruturação do hospital, focada na questão da gestão e na melhoria da qualidade dos serviços, que é refletir na assistência à população”, comemora.

Sobre os procedimentos realizados, Márcia Guimarães informou que atualmente em termos de cirurgia oncológica, o hospital aparece como o 14º serviço do Nordeste.

“Dos quase 72 serviços de Unidade de Assistência em Serviços de Alta Complexidade em Oncologia (Unacom) no Nordeste, nós estamos entre os 20 primeiros. Na cardiologia, somos o 4º no Nordeste em execução de cateterismo cardíaco, o 15º do país em execução de procedimentos cardiovasculares e vemos que realmente estamos cumprindo a missão e o hospital tem correspondido.  Todos os nossos colaboradores, desde a ponta até o mais qualificado profissional, estão voltados para realmente ter no Hospital de Cirurgia, uma parceria de construção na assistência”, observa.

Ministro da Saúde reconhece crescimento do Hospital de Cirurgia

Também participaram da visita, o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, o deputado federal Laércio Oliveira, a secretária estadual de saúde, Mércia Feitoza representando o governador Belivaldo Chagas, a secretária municipal de saúde, Vaneska Barboza,  médicos a exemplo do renomado cardiologista José Teles, enfermeiros e demais servidores da unidade de saúde.

O ministro e todos os participantes da visita às instalações, assistiram um vídeo mostrando a história do Hospital de Cirurgia, fundado no dia 2 de maio de 1926.

No final de 2018, sofreu um processo de intervenção estadual, decretado pelo juiz Aldo de Albuquerque de Melo, da 7ª Vara Cível de Aracaju, determinando o afastamento de todos os diretores da unidade de saúde.

Equipe do hospital com o ministro

A equipe de interventores coordenada por Márcia Guimarães, conseguiu reerguer o hospital reestruturando e aumentando o número de pacientes assistidos.

Fotos: Jadilson Simões

 

 

 

Outras notícias para você