Por Kelly Monique Oliveira

O deputado estadual Capitão Samuel (PSC), ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) na manhã desta quinta-feira, 14, para informar que a realidade dos preços dos combustíveis no Brasil poderá mudar com a aprovação de um Projeto de Lei, que reduz a carga tributária estadual do produto. De acordo com o parlamentar, a Câmara dos Deputados já aprovou na última quarta-feira, 13, o texto do PL que altera a forma como o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) é calculado. A matéria ainda será analisada pelo Senado.

“Governadores de quatro estados encaminharam para as Assembleia Legislativas, projetos de Lei que visam, aos poucos, reduzir a carga tributária estadual dos combustíveis. Por outro lado, a Petrobras segue aquela política internacional do petróleo. Então, erra a Petrobras quando o brasileiro ganha em real e paga a gasolina em dólar. Tem alguma coisa errada em quem fez essa lei. O brasileiro não tem salário em dólar, portanto, quero que a Petrobras comece a cobrar e a fazer uma política em real”, ressaltou Capitão Samuel.

O deputado estadual relatou que em Sergipe, o imposto é de 29%, e em vez de comprar R$ 2,50, que é o preço da gasolina da Petrobras, cobra em cima de R$ 5,68. “Sabemos que é o efeito cascata. Nosso gabinete encaminhará requerimento para os três senadores de Sergipe para que eles votem favoráveis ao PL. Peço a população que está acompanhando pela TV Alese que entrem nas redes sociais dos nossos três senadores e dos outros senadores do Brasil, cobrando aprovação do projeto porque poderá reduzir em até 8% a carga tributária em cima dos combustíveis, reduzindo assim, o preço final para o consumidor”, declarou.

Capitão Samuel acrescentou que todos devem continuar lutando para que o combustível, efetivamente, passe a ser dos brasileiros e com valores em reais. Além disso, que os estados comecem a contribuir para redução do valor dos combustíveis o mais rápido possível porque quem está sendo penalizado é a população, especialmente a classe mais pobre. “Agradeço a todos os deputados estaduais, à bancada Federal de Sergipe e a todos que votaram favoráveis ao PL, independente das diferenças partidárias”, ressaltou.

Foto: jovempan.com.br