Ciganos de Sergipe têm data especial para comemorar

Por Aldaci de Souza

A estimativa é de que 800 mil ciganos vivam no Brasil. Em Sergipe, cerca de 2 mil moram em 25 municípios. Preocupado com a escassez de políticas públicas de integração voltadas para esses povos, o deputado Iran Barbosa (PT) apresentou e teve aprovado na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei Nº 173/2021, sancionado pelo Governo do Estado, instituindo o Dia Estadual da Etnia Cigana. 

Iran Barbosa: “Vamos comemorar e lutar pelos direitos dos ciganos de Sergipe ” (Foto: Jadilson Simões)

Publicada no Diário Oficial de Sergipe, a Lei nº 8.881 oficializa a data e inclui no calendário oficial do estado. Com isso, o Dia da Etnia Cigana passa a ser comemorado em 24 de maio, quando se celebra o Dia Nacional do Cigano. “Além de instituir o dia comemorativo, a iniciativa visa garantir o reconhecimento do povo cigano, pois grande parcela dessa população continua sem contar com ações em favor de registro civil, saúde e educação, por exemplo”, explicou Iran Barbosa.

De acordo com o parlamentar, a lei busca tirar da invisibilidade a população cigana e tende a ser o primeiro passo para avançar na garantia dos direitos ciganos em Sergipe. “Vamos comemorar a data, mas lutar pelos direitos dessa população”, acrescenta.

Em recente entrevista à TV Alese, o presidente do Instituto Cigano do Brasil, Rogério Ribeiro parabenizou a Alese pela aprovação do Projeto de Lei. “É um momento muito especial para o povo cigano de Sergipe, que passará a ter visibilidade e para podermos buscar políticas públicas. Temos no estado, cerca de 25 municípios com comunidades ciganas a exemplo de Arauá e Capela. Só temos que agradecer a sanção dessa lei advinda de um projeto do deputado Iran Barbosa”, observou.

Foto: Secretaria da Inclusão/Pritty Reis

 

 

 

 

 

 

Outras notícias para você