A deputada estadual Ana Lúcia ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa na manhã desta terça-feira, 01, para registrar o posicionamento do Partido dos Trabalhadores diante das publicidades que o Governo de Sergipe tem veiculado na imprensa atacando os professores e professoras da rede estadual e o sindicato da categoria, o SINTESE.

Durante reunião da sua Direção Executiva Estadual, realizada na tarde desta segunda-feira, 29, o PT aprovou uma nota de solidariedade aos professores e professoras de Sergipe, considerando a publicidades veiculadas “agressivas e distantes das relações de respeito com a educação e com os professores, que devem conduzir o debate sobre o piso nacional da categoria”.

A nota pede ainda que o governador Jackson Barreto inicie o processo de negociação com a categoria e que, através do diálogo, encontre as saídas necessárias para o cumprimento efetivo e amplo da lei, bem como para a melhoria da educação do povo sergipano.

O Governo de Sergipe não tem priorizado o caráter republicano de educar a população brasileira. Esta nota é extremamente conservadora, agressiva e preconceituosa; destila ódio e rancor contra os trabalhadores. Enfim, é uma afronta do governo ao movimento sindical de Sergipe”, avaliou Ana Lúcia, destacando que o PT reforçou seu compromisso com a classe trabalhadora, ao se posicionar em defesa dos professores e professoras.

Confira o documento na íntegra:

NOTA DE SOLIDARIEDADE AO SINTESE E AOS EDUCADORES

A Direção Executiva do Partido dos Trabalhadores em Sergipe, reunida em 29/02/2016, vem a público manifestar sua solidariedade à direção do SIntese e aos professores de Sergipe, em razão da infeliz e agressiva nota veiculada nos meios de comunicação pela Secretaria de Estado da Educação do Governo de Sergipe contra o Sintese e os educadores. Entendemos que o piso nacional salarial e seu respectivo percentual de revisão precisa ser pago a todos os professores e cabe ao governo procurar as condições para garantir esse direito aos trabalhadores. Neste ínterim, o PT de Sergipe solicita ao governador Jackson Barreto que inicie o processo de negociação com a categoria e que através do diálogo, encontre as saídas necessárias para o cumprimento efetivo e amplo da lei, bem como para a melhoria da educação do povo sergipano.

Aracaju, 29 de fevereiro de 2016 

DIREÇÃO EXECUTIVA ESTADUAL DO PARTIDO DOS TRABALHADORES

 

Por Ascom Parlamentar Dep. Ana Lúcia – Débora Melo