3º quadrimestre da Saúde é apresentado aos deputados estaduais

Publicada: 23/02/2022 às 23:55

23/2/2022

Por Shis Vitória/Alese

Na manhã desta quarta-feira, 23, a secretária de Estado de Saúde, Mércia Feitosa, esteve na Assembleia Legislativa para apresentar o balanço do 3º quadrimestre de 2021 baseado na prestação de contas da Execução Orçamentária, ações desenvolvidas, situação ambulatorial e hospitalar, além de destacar um panorama da pandemia e a cobertura vacinal. Com a exposição, a gestora cumpre dispositivos do ordenamento jurídico estadual e da Lei de Responsabilidade Fiscal.  

“Na análise destes dados percebemos que mesmo em um ano complexo foi possível avançar em muitas áreas como a oncologia, onde ampliamos os serviços de quimioterapia, cirurgias oncológicas e radioterapia. Avançamos também em algumas ofertas de procedimentos cirúrgicos de uma maneira geral, já que no final do ano iniciamos cirurgias eletivas que estavam represadas. Então é um cenário positivo baseado em todas dificuldades que enfrentamos”, explicou Mércia Feitosa.

Antes de responder os questionamentos dos deputados, Mércia Feitosa fez uma avaliação da pandemia em Sergipe. “É possível visualizar um cenário de redução de casos, inclusive, a curva de notificações passou a ter outra tendência e falo isso com a evidência da queda na solicitação de UTI. Outra questão importante é a conscientização para vacinação, pois a maior parte dos internados atualmente em cerca de 80% a 90% são de pacientes com o esquema vacinal incompleto ou não estão vacinados”, frisou.   

O presidente em exercício, Francisco Gualberto (PT), agradeceu a presença da secretária e reconheceu o trabalho desenvolvido. “Tivemos uma sessão muito importante no dia de hoje com a presença da secretária de Saúde que fez uma demonstração das ações da pasta em vários aspectos, desde a parte estrutural aos atendimentos prestados, e isso nos deixou muito satisfeitos. Acrescento ainda a efetiva colaboração dos colegas deputados em seus questionamentos tanto os que participaram presencialmente como de forma remota. Antes de tudo é um balanço de prestação de contas realizado na Casa do Povo em respeito à sociedade sergipana”, disse.  

Participações

Após a apresentação dos dados detalhados com despesas e receitas dos serviços executados pela pasta da Saúde do Governo do Estado, os deputados abordaram a secretária e diversos questionamentos foram esclarecidos.

O deputado estadual Zezinho Guimarães (MDB) aprovou o exposto e solicitou esclarecimentos a respeito da maternidade de Capela. Compartilhando do mesmo tema, o deputado Adailton Martins (PSD) em seu pronunciamento citou a situação dos servidores da maternidade de Capela, caso tenham que ser transferidos para outra unidade de saúde e destacou ainda a consolidação da maternidade do Hospital Universitário.

A deputada Maria Mendonça (PSDB), participou de forma on-line da Sessão Plenária Mista, solicitou esclarecimentos a respeito da vacinação infantil e comentou sobre as denúncias e reclamações da Ouvidoria da Saúde e quais providências voltadas na gestão de pessoas serão definidas para otimizar o atendimento à população, além das perspectivas de implementação do Hospital do Câncer.   

A deputada Goretti Reis (PSD) saudou a secretária pela presença na Alese e, em sua fala, observou os indicadores da Rede de Atenção Primária a nível nacional e local. A parlamentar parabenizou o bom desempenho dos dez municípios sergipanos nesta área como São Francisco, General Maynard, Cumbe, Tomar do Geru, Macambira, Tobias Barreto, Pedrinhas, Nossa Senhora de Lourdes, Pirambu e Pedra Mole. A parlamentar não escondeu a preocupação com a Rede de Atenção Primária no município de Lagarto em ocupar a posição 62º neste ranking. No encerramento, alertou também a necessidade da assistência voltada aos pacientes após contrair o vírus da Covid-19.

O deputado estadual Georgeo Passos (CIDADANIA) usou a tribuna para apresentar algumas dúvidas a respeito da maternidade do Hospital Universitário e dos problemas de atendimento do HUL, localizado no município de Lagarto, além da implantação da maternidade do 17 de Março de responsabilidade da administração municipal da capital. Em sua explanação, o deputado lembrou da situação do Hospital da Criança e questionou a realização de cirurgias na unidade. Ao final, citou os problemas na área oncológica da rede estadual em execução de exames.

Com a participação de forma remota na Sessão plenária Mista de hoje, 23, o deputado estadual Vanderbal Marinho (PSC)  disse que ficou satisfeito com a apresentação de Mércia Feitosa e enalteceu o trabalho desenvolvido. O parlamentar enfatizou os dados que se referem a agilidade de procedimentos cirúrgicos, ampliação na assistência da rede hospitalar na área vascular, ortopédica e aquisição de novos aparelhos. Na ocasião, reforçou os cuidados tendo em vista as medidas restritivas no controle da pandemia para eventos e o carnaval.  

A última oradora na Sessão foi a deputada Gracinha Garcez (PSD) que parabenizou a secretária pela explanação com a prestação de contas e dados que serão úteis para que a Casa Legislativa tenha condições de transmitir informações para a sociedade. A parlamentar desejou bons votos na continuidade dos trabalhos na pasta principalmente, em ações de controle da pandemia.

 

Galeria de Fotos: Jadilson Simões/ Joel Luiz

Outras notícias para você