Kitty Lima

///Kitty Lima
Kitty Lima2019-03-14T19:51:00+00:00

Project Description

KITTY LIMA

Nome completo: Priscilla Lima da Costa Pinto
Partido atual: REDE/SE
Número de votos: 18.008 votos
Aniversário: 26/09

Contatos
Endereço: Av. Ivo do Prado, s/n – Palácio Gov. João Alves Filho – CEP: 49.010-050 – Centro
Gabinete: 79 3216-6755
E-mail: dep.kittylima@al.se.leg.br

Redes Sociais
Facebook: @kittylima.oficial
Instagram: @kittylima.oficial

Priscilla Lima da Costa Pinto é natural de Aracaju. Desde criança, Kitty já demonstrava sua personalidade brincalhona e extremamente ativa, características marcantes até hoje. Dos três filhos de Antônia e Lucilo, Kitty era a mais carinhosa com os animais e desde cedo demonstrava um cuidado especial com os animais.

Aos cinco anos, Kitty, por vontade própria, decidiu não consumir mais carne de qualquer espécie por se dizer contra a morte de animais para consumo e, a partir daí, começou a desenvolver consciência para a causa animal. A família não sabe contabilizar quantos gatos Kitty levou para dentro de casa, muitos deles resgatados das ruas em situação de abandono ou de maus tratos.

Estudou no Colégio Salesiano e fez bonito por lá. Considerada uma boa aluna pelos colegas, professores e pela própria família, Kitty também se destacou nos esportes durante o período colegial.

Fez vestibular para Serviço Social na Universidade Federal de Sergipe (UFS) e Direito na Universidade Tiradentes (Unit) e, mais uma vez, Kitty fez bonito: aprovada em ambos os cursos! Porém, seu engajamento na causa animal pesou na decisão do curso; optou pelo Direito com o sonho de defender e garantir o direito dos animais.

Foi nessa época que Kitty se aprofundou ainda mais na causa. Conheceu outras pessoas que, assim como ela, amavam e se consideravam defensores dos animais. Juntos, fundaram a ONG ‘Anjos de Um Resgate’. O trabalho na ONG começou de forma tímida, tendo como sede a residência da família de Kitty, localizada no bairro Cirurgia. Com o tempo, a demanda de animais que necessitavam de cuidados cresceu de tal forma que a mãe e os irmãos dela tiveram que ceder o local onde moravam para que todos os animais tivessem condições de serem acolhidos de forma confortável no local.

Após concluir o curso de Direito, Kitty se deu conta que sua vida já estava totalmente engajada com a causa animal. Neste momento, ela abriu mão do direito e começou a se dedicar 100% a ONG. A esta altura, a ‘Anjos de Um Resgate’ já possuía sede própria no bairro Marivan.

Ah! Paralelo ao seu trabalho de resgate e acolhimento de animais em situação de risco, Kitty conciliava uma antiga paixão, o esporte.

Ao seu lado, o marido Emanuel sempre a apoiou e participou ativamente na luta pelo bem-estar dos animais e também nos cuidados dos acolhidos pela entidade. A parceria deles culminou em outro com resultado maravilhoso: Emanuelzinho, filho do casal, hoje com 1 ano e meio.

Em 2016, seu empenho à causa a levou por um caminho jamais imaginado, o da política. Convidada pelo partido REDE para levar a bandeira da causa animal à Câmara Municipal de Aracaju, Kitty não pensou duas vezes.

Apesar da inexperiência, ela sabia que aquele seria o caminho para inúmeras vitórias e conquistas em defesa dos direitos e de políticas públicas para os animais.

Durante sua campanha com recursos bastantes limitados, Kitty não fez promessas. Levou ao eleitorado sua experiência de vida, o amor e a dedicação aos animais como prova de que seu trabalho na Câmara seria o mais sério e comprometido tanto para a causa animal, quanto para os diversos setores de interesse da população.

Dito e certo! Kitty Lima foi eleita com 4.925 votos e se destacou como a terceira vereadora mais votada de Aracaju, a mais votada entre as mulheres na capital e, proporcionalmente, no Nordeste, um feito inédito para um nome até então desconhecida no meio político.

Mas contar a história de Kitty Lima sem mencionar a importante participação de seus avós maternos em sua vida seria uma injustiça. Dona Maria e Seu Cândido sempre ajudaram e apoiaram a neta em suas escolhas e são a grande referência para Kitty, sem eles, ela com certeza não teria conquistado tudo o que conquistou até aqui.

Em 2018, Kitty resolveu encarar um novo desafio: a candidatura à deputada estadual. Como tudo em sua vida, Kitty mergulhou de cabeça na empreitada com uma campanha focada nas redes sociais e com recursos do próprio bolso, sem financiamento externo para não ter “rabo preso com ninguém”, como ela mesma orgulha-se em dizer.

A nova forma de fazer política foi abraçada por 18.008 sergipanos que confiaram no trabalho da parlamentar na busca pelas melhorias que Sergipe tanto precisa, garantindo a ela uma das 24 cadeiras da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese).